Adwords

Interessado em fazer dinheiro anunciando no Google?

Celular

Produtos do Google para seu celular favorito ou para o iPhone? Você encontra tudo aqui!

Gmail

Considerado um dos melhores Webmails do Mundo, o Gmail não pára de inovar!

Opensocial

Tudo sobre a plataforma de aplicativos para Redes Sociais do Google!

Orkut

Tudo sobre a Rede Social do Google, a mais popular no Brasil!

Início » Geral

Google Notebook: é hora de integrar!

Enviado por em quarta-feira, 7 março 20074 Comentários
O Google na Web 2.0
Estamos passando por um silencioso processo de transição da Web. Alguns afirmam não existir uma nova versão da rede, mas o termo Web 2.0 está aí e é bem definido de um modo geral. Dentre outras novidades, a portabilidade ganha ênfase e grande parte das novidades giram em torno desta característica.

O Google entrou cedo na onda das mudanças. Grande fatia de seus serviços esbanja da tecnologia Ajax, tem desempenho incrível e destaca-se entre seus concorrentes no quesito performance. Além disso, a modernidade perceptível nas interfaces de seus produtos fortalecem a afirmação.

O que é o Google Notebook?

Uma das novidades da empresa é o serviço Google Notebook, um modelo de portabilidade, baseado em Ajax que foi lançado há pouco tempo. O intuito básico é servir como bloco de notas, genericamente definindo. Vai além de apenas anotações, servindo como “depósito” de imagens, links e pequenos textos.

Organização e Busca Interna

É possível criar diversos blocos de notas dentro do serviço, para classificar seus lembretes por categorias ou seções e encontrar o que precisa mais rapidamente. Porém, se você prefere fazer jus ao nome que o serviço recebeu, pode também simplesmente lançar anotações rápidas nele e apagá-las ou modificá-las depois, tantas vezes quantas forem necessárias.

Suporta também a adição de imagens. Após instalada a extensão adequada ao seu navegador, basta clicar com o botão direito do mouse na figura e escolher a opção de adicionar ao Google Notebook.

Como todo serviço Google, a busca interna está presente. E mais, além de buscar nas suas notas, é possível buscar em quaisquer notas públicas de Notebooks de outros usuários.

Problemas com falta de integração

Ainda parte do Google Labs, o Google Notebook está praticamente “perdido no mundo”. A falta de integração com outros serviços do Google dificulta sua divulgação, utilização e, principalmente, adoção pelos usuários, fato que leva diversos sites a criticarem o produto.

Fica realmente difícil adotar o serviço para uso diário sem integrações. Seria muito cômodo contar com um bloco de notas discreto incorporado à interface do Gmail ou do Calendar, por exemplo. Ao utilizar qualquer um deles, existem informações que precisam ser armazenadas em alguma espécie de rascunho.

Seria inteligente o surgimento do Google Notebook também na interface do Orkut, a maior rede social no Brasil. Diversos usuários redigem depoimentos, por exemplo, para seus contatos diariamente e, como o sistema do Orkut não salva automaticamente enquanto você escreve, uma queda de energia pode ser fatal. Com a tecnologia avançada do Notebook, caso surgisse uma surpresa, tudo poderia ser recuperado.

Exportando do Google Notebook para o Google Docs

Uma integração valiosa ocorreu há poucos dias. Agora, você já pode exportar suas notas do Notebook para o Docs, onde é possível terminar a edição, organizar bem as idéias e enviar via e-mail para qualquer endereço, bem como pulicar no seu Blog. Com essa novidade, percebemos que as intenções do Google são de incorporar o serviço à família em breve.

Extensões para IE e Firefox

Existem alternativas para difundi-lo que devem ser destacadas. Usuários do Firefox podem instalar uma extensão que trabalha discretamente, exibindo uma pequena janela dentro do navegador para interagir com o serviço. Para quem prefere o Internet Explorer, existe outra extensão que facilita a interação com o Google Notebook.


O interessante é a possibilidade de acessar suas notas onde quiser e com o navegador que preferir. Essas são as grandes vantagens da maioria dos serviços da empresa: multiplataforma e portabilidade. Ela não prende você a um Sistema Operacional ou a um software para navegação específico. Apesar de não haver nenhuma espécie de extensão para outros navegadores que não os acima citados, a questão de multiplataforma continua existindo, uma vez que a interface do serviço é completamente compatível com grande maioria dos navegadores do mercado.

Google Notebook no Gmail: um acréscimo interessante

Vislumbrando a idéia de possuir um editor discreto em nossa Caixa de Entrada do Gmail para adição de notas breves, redigir futuros e-mails ou salvar importantes links. Durante a navegação diária, grande parte dos usuários mantêm seu Gmail aberto e sempre à disposição. Com o Google Notebook disponível na interface do Webmail, seria muito mais prático manter uma anotação.

O que muitos fazem e que eu faço também, é enviar a si mesmo emails com links, lembretes ou textos interessante e verificar mais tarde. Essas anotações temporárias são o motivo da existência do Notebook. Então, por quê não integrar?

Novidades estão por vir!

Existem pontos críticos e integrações necessárias que a empresa parece ainda não ter percebido. Mas, como surpreender os usuários parece ser um hobby da gigante das buscas, a qualquer momento poderemos nos deparar com alguma novidade de integração do Google Notebook com outro produto Google. Tudo é questão de tempo. E sobre novidades, certamente elas virão.

Daniel Fernando Pigatto cursa bacharelado em Ciência da Computação na Universidade Regional Integrada de Erechim/RS, reside na mesma cidade e é editor de dois blogs: Ponto Flutuante – página pessoal, com artigos de classificação geral; e Wekta – página colaborativa voltada ao underground da tecnologia.

Popularity: 2% [?]

4 Comentários »

  • Gustavo Ramos disse:
    Só um detalhe: o Google Reader não possui um sistema de buscas, o que é, obviamente, uma pena.

    Abraços!
    Gustavo
    http://www.srnoticia.blogspot.com

  • César disse:
    Obrigado pela dica.
  • Tia Bee disse:
    vc falou: “Como todo serviço Google, a busca interna está presente”…

    vale lembrar q o GOOGLE READER nao tem essa funçao… o q é uma pena… pois pra mim é o melhor leitor de rss online
    😉

  • Daniel F.Pigatto disse:
    Ah, de fato o Google Reader não possui uma busca ao estilo Google. Mas existe um outro sistema de busca que ele oferece e a grande maioria desconhece.

    Experimente acessar o Reader e digitar G seguido de U. Abre-se uma janela de busca por nomes de feeds.

    É uma busca simples, só por nomes de feeds, mas já vale para quem tem várias subscrições.