Microsoft critica publicidade do Gmail

Steve Ballmer, executivo-chefe da Microsoft, resolveu atacar a forma de publicidade do Gmail em uma audiência no Reino Unido. O executivo tentou colocar em cheque um modelo de sucesso que dá certo no Google mas até hoje não deu em sua empresa. Vamos a alguns trechos do discurso:

“Nosso Windows Live Hotmail não gera muitas receitas com publicidade, o que nos fez criar um portal para os usuários. O tráfego gerado pelo Live Hotmail é muito valioso, mas não muito lucrativo.”

Modelo de publicidade no Live Mail e Gmail, respectivamente

Bem, se o modelo da Microsoft, apesar de “atulhado” publicidade, não dá lucro, então podemos concluir que a relevância da publicidade deles não é tão boa. E se, além de não ter lucros, recentemente ainda aumentaram o armazenamento para 5GB, fica claro que a Microsoft nada mais quer do que tirar essa fonte de renda que deve funcionar com o Google. Ou simplesmente usar o serviço como ponte para outros mais lucrativos. Nesse caso, o webmail perde o foco em sua usabilidade e passa a servir como uma forma de empurrar usuários para outros serviços.

“O Google tem o mesmo problema que nós, ainda que eles leiam o conteúdo das mensagens dos usuários.”

O Google, até onde sabemos, nunca divulgou e nem pretende divulgar sua receita com o Gmail. Mas deixo uma simples questão para quem já utilizou os dois serviços: em quais publicidades você clica mais: do Gmail ou do Live Hotmail?

“Teoricamente, se alguém lê as mensagens de alguém, ficará sabendo quais assuntos mais atraem o usuário. Mas na prática, o funcionamento não é tão brilhante quanto parece”.

Nada precisa ser brilhante se simplesmente agrada aos usuários (ou pelo menos não os incomoda). Ballmer esqueceu de mencionar que ninguém lê mensagens de usuários na Google: quem faz o trabalho é um software-robô. Além disso, o próprio Live Hotmail, para quem não sabe, também possui tal software, para filtrar mensagens normais de spam.

Nota: Nenhum editor do Undergoogle tem intenção de ser parcial em seus artigos, porém algumas vezes é bom esclarecer aos usuários esses lastimáveis ataques de uma empresa que não quer ganhar mercado investindo em qualidade, mas atacando as outras. O dia que o Google tiver uma atitude dessas, podem apostar que estaremos aqui criticando-a da mesma forma. Abraços.

Fonte: Baboo

Popularity: 2% [?]

Publicado em Geral por brunosoares. Marque Link Permanente.

Sobre brunosoares

Paulistano, 22 anos, estudante de Engenharia da Computação pela FASP, é desenvolvedor Windows e Web há 5 anos. Gostava de escrever sobre tecnologia nas horas vagas, e criou o Undergoogle junto ao Fernando Kanarski para poder acompanhar de perto a, na sua opinião, empresa de tecnologia mais inovadora dos últimos anos.

12 ideias sobre “Microsoft critica publicidade do Gmail

  1. Concordo, é triste ver gordo de olho no prato dos outros. Essa MS é muito gananciosa, visa o ganho antes do cliente. Já o google iniciou de forma inversa e quase se deu mal.

    A diferença do google faturar melhor? Simples, eles tem o adsense, a microsoft tem só o equivalente ao adwords!!! Há um diretor na MS que se mancou disso e ia atacar forte em 2007 para lançar o adsense deles (adcenter?). Mas o ano está no fim e nada de ser lançado. Já falavam desse mecanismo para 2006, e nada. As águas passam, o google fatura bilhoes por trimestre, e o Ballmer só choraminga e se roi de inveja 🙂

  2. A Microsoft realmente é meio devagar no mundo online. É só ver quanto tempo eles estão desenvolvendo o concorrente do Gmail, e a quantidade de pessoas que resolvem voltar ao bom e velho Hotmail por não gostarem do novo webmail.
  3. Ponto importante que você cita e que eu já havia citado no meu blog é que todo serviço de e-mail que possua anti spam lerá a mensage, mas isto ninguém comenta.
  4. Off: Se bem que não se pode chamar aquilo de Anti-Spam: ele bloqueia minhas mensagens verdadeiras, e deixa passar spam pra Inbox…
  5. meu amigo perdeu a chance de um emprego massa por causa do homtmail.

    simplesmente o rapaz passou na prova para seleção à vaga e ao ser chamado pela empresa, via e-mail, o e-mail da empresa foi direto pra caixa de spam!!!

    hotmail é um lixo

  6. cara… eu já perdi a conta de vezes que eu usei foi o sistema de anúncios do gmail como mecanismo de busca. Outro dia mesmo, queria comprar mídias, fiz uma nova mensagem com subject e corpo: “mídia virgem cd-r dvd-r” e mandei pra mim mesmo. Abri a mensagem e resolvi meu problema, lá do ladinho os anúncios de 3 lojas online, cliquei e comprei meus disquinhos =)
  7. Realmente é perfeita a forma como funcionam as propagandas dentro do gmail, assim como o Giuliano falou, são muito relevantes.
    E assim como tu comentou Bruno, ninguem lê a mensagem, é simplesmente um robô.
    Confio no Google, não confio na MS…
  8. 2/3 da página do Live Mail é de propaganda.

    O Gmail tem uma mísera propaganda que quase (não) atrapalha ninguém.

    Sem falar na lentidão do Hotmail…

  9. Não, essa história de que a M$ é o Mal e o Google é o bem é mentira… Odeio isso… AS DUAS SÃO MÁS!!! Veja só, toda hora você ve o google tentando competir com outras empresas em diversas areas (Blogs, miniBlogs, fotos, redes sociais, videos, webmail, e etc…) e ela nunca gera uma receita direta com os seus serviços (O Gmail gera pelo Ad, o YouTube Tb, a própria página de pesquisa tb…), enquanto as outras empresas, que não tem um império da publicidade por trás tem que se virar pra fazer lucro, enquanto a sua concorrente googleana simplesmente conta com o dinheiro do Ad… Sem contar que quando o google não consegue superar o concorrente ele simplesmente compra ele (O Google Videos perdeu pro YouTube, ai eles foram lá e “pimba!”, compraram o YouTube)… Quem além dos grandes portais pode concorrer com isso? E Webmail por Wenmail, fico com o Yahoo, q é ilimitado e melhor…

    Ps.: repostando pq deu erro…

Os comentários estão fechados.