Adwords

Interessado em fazer dinheiro anunciando no Google?

Celular

Produtos do Google para seu celular favorito ou para o iPhone? Você encontra tudo aqui!

Gmail

Considerado um dos melhores Webmails do Mundo, o Gmail não pára de inovar!

Opensocial

Tudo sobre a plataforma de aplicativos para Redes Sociais do Google!

Orkut

Tudo sobre a Rede Social do Google, a mais popular no Brasil!

Início » Adwords, Google, Ricardo vaz Monteiro

Google, VeriSign e o tráfego na Internet

Enviado por em quarta-feira, 12 setembro 20077 Comentários

Eu escrevo no Undergoogle sobre o Adwords, sistema de links patrocinados do Google, porém hoje eu faço uma pequena avaliação estratégica sobre tráfego na Internet, o Google e a VeriSign.

Como todos nós sabemos, o Google é o líder inconteste dos instrumentos de pesquisa. Esta liderança permite que ele tenha acesso as informações associadas ao tráfego indireto, ou seja, ao tráfego gerado pelos Internautas que procuram por informações, produtos ou serviços e não sabem qual o domínio que detém o conteúdo desejado.

Este tráfego é chamado de indireto já que o Internauta visita primeiro o instrumento de pesquisa (Google, Yahoo, Live) para em seguida visitar outros domínios.

Porém, a maior parte do tráfego da Internet não é devido ao tráfego indireto ! É devido ao tráfego direto, ou seja, o Internauta digita diretamente no navegador o domínio do site que ele irá visitar. O Internauta pode já conhecer o site em questão, ou não.

Por exemplo: eu gosto de ler o Blog do Reinaldo Azevedo, e sei que seu domínio é http://www.reinaldoazevedo.com.br/, bem então, não preciso ir no Google para procurar este endereço, digito-o diretamente no navegador.

Quando um domínio é digitado diretamente no navegador (Tráfego direto) ele tem que ser resolvido, ou seja, um DNS (Domain Name Server) informa ao navegador em que endereço IP está o site e o servidor de e-mail associado a este domínio.

A VeriSign é responsável pela administração da resolução de todos os domínios .COM e .NET da Internet, ou seja, a cada visita a um site baseado em um domínio .COM ou a cada envio de e-mail onde a extensão é .COM (ou .NET), os servidores da VeriSign respondem uma query que aponta para o servidor correto. A VeriSign atualmente resolve a bagatela de 30 bilhões de queries como estas diariamente, portanto é na VeriSign onde as informações sobre a navegação direta de todos os domínios .COM e .NET são gerenciadas.

Os domínios .COM e .NET representam juntos 60% de todos os domínios registrados no mundo, o que deve representar um índice ainda maior de todo o tráfego direto, já que inúmeros sites de peso, usam estas extensões (MicroSoft.com, Google.com, Adobe.com e etc). Portanto, a VeriSign é a empresa que detem a maior parte das informações sobre o tráfego direto da Internet.

Caso o Google continue sua incrível expansão, a hipótese que ela compre a VeriSign teria a seguinte consequência: O Google além de obter as informações sobre o tráfego indireto, também teria as informações sobre o tráfego direto da Internet.

Este artigo é apenas uma elucubração teórica. Porém, esta seria a jogada definitiva para que o Google dominasse a maior parte das informações sobre o tráfego da Internet.

Como diria Pinky para o Cérebro:

Cérebro, o que faremos amanhã a noite?

e Cérebro responde:

A mesma coisa que fazemos todas as noites, Pinky… Tentar conquistar o mundo!

Ricardo Vaz Monteiro é diretor executivo da empresa Nomer.com, especializada em registro de dominio, um dos primeiros com o título de Google Advertising Professional do Brasil e autor do livro Google Adwords: A arte de Guerra (2a. Edição !)

Popularity: 3% [?]

Ricardo Vaz Monteiro

7 Comentários »

  • Anonymous disse:
    O Google já tenta esse feito com iniciativas como aquele internet sem fio e a Google Toolbar, que grava os sites visitados.

    Acredito que a compra da Verisign (que se não me engano hoje é muito “amiguinha” da Microsoft) seria um duro golpe na concorrência e por consequencia resultaria no maior conglomerado de informações do planeta.

    E o objetivo da Biblioteca de Alexandria é finalmente alcançado pelo Google.

  • Anonymous disse:
    Que artigo mais inutil
  • Anonymous disse:
    Só pra constar, o Cérebro responde pro Pink:

    “A mesma coisa que fazemos todas as noites, Pinky… Tentar dominar o mundo!”

  • aroeira disse:
    ótimo artigo..
    e gostei da citação do Anônimo ae..

    “E o objetivo da Biblioteca de Alexandria é finalmente alcançado pelo Google.”

  • Andre Metzen disse:
    Me corrija se eu estiver errado, mas quem responde pelo trafego direto sãos os servidores DNS espalhados pelo mundo, sejam eles da VeriSign ou não.

    Por exemplo, temos um servidor DNS na empresa que trabalho. Se eu vou no navegador digito http://www.google.com, meu computador vai perguntar ao servidor DNS(caso não esteja em cache) se ele conhece este dominio, se ele conhecer(estiver em cache) ele já me retorna direto o IP. Logo a VeriSign ou qualquer outro root dns server não fica sequer sabendo que estou requisitando aquele dominio.

    Acho que este artigo não faz muito sentido não.

    Abraço

  • Adriano Brandao disse:
    Como o André disse, esse artigo não faz nenhum sentido.

    A Verisign não fica atendendo a cada simples requisição que é feita a cada segundo. O papel dela é espalhar a informação sobre os domínios para os demais DNS – eles é que atendem às requisições dos internautas.

    http://en.wikipedia.org/wiki/Dns#In_practice