Obama, McCain e o Google In Quotes

Quando o Nando Kanarski me convidou para escrever um post no UnderGoogle, fiquei só imaginando qual assunto seria mais interessante dentro do universo de produtos que o Google nos oferece, afinal de contas a responsabilidade era bem grande, já que este é um dos meus blogs favoritos.

Uma aposta simples seria o meu atual favorito, o Google Earth para o iPhone, mas eu queria falar sobre um serviço do Google Labs, onde são criadas as novidades mais incríveis. E como estou envolvido em política por conta de alguns textos que tenho escrito para o Yahoo! Posts, escolhi o In Quotes, um serviço muito interessante que compara o pensamento de dois políticos de acordo com vários temas, com a opção de separar por ano.

Hoje é o dia das eleições nos Estados Unidos, e por isto, este é um post muito atual. Comparando os candidatos Barack Obama e John McCain, você pode escolher qualquer palavra como Iraque ou economia, por exemplo, e depois ler as citações e frases de cada candidato comparadas lado a lado.

Um exercício bem curioso é escolher palavras como Brasil (Brazil), por exemplo. Se eu fosse americano, votaria no Obama, mas ele só tem uma citação ao nosso país, enquanto McCain tem 7, incluindo uma em que ele defende a entrada do Brasil do G8, e outra na qual ele diz que vai retirar a tarifa de importação sobre a cana de açúcar brasileira.

Além da edição americana, o In Quotes tem algumas edições de países como Índia, Canadá e Reino Unido, e você também pode criar a sua própria edição personalizada no menu no topo direito da página, basta clicar a inicial do nome que o In Quotes te sugere alguns nomes. E embora ainda não exista uma versão dedicada ao Brasil, já temos personalidades bem conhecidas por lá, e você pode fazer uma comparação de frases entre o Hugo Chaves e o nosso presidente Lula!

Popularity: 9% [?]

5 ideias sobre “Obama, McCain e o Google In Quotes

  1. Pingback: O que tá rolando na blogosfera 01 - RafaelGaldino.com

  2. Pingback: Obama, McCain e o Google In Quotes | iPhone Maníacos

Os comentários estão fechados.