Adwords

Interessado em fazer dinheiro anunciando no Google?

Celular

Produtos do Google para seu celular favorito ou para o iPhone? Você encontra tudo aqui!

Gmail

Considerado um dos melhores Webmails do Mundo, o Gmail não pára de inovar!

Opensocial

Tudo sobre a plataforma de aplicativos para Redes Sociais do Google!

Orkut

Tudo sobre a Rede Social do Google, a mais popular no Brasil!

Início » AdSense

Google descontinuará programa de Referências do AdSense

Enviado por em terça-feira, 1 julho 20087 Comentários

O programa de referências do AdSense, que permite a veiculação de banners de produtos Google e anúncios pré selecionados de parceiros do Google, será descontinuado na última semana de agosto. O Google recomenda que todos os editores substituam a área das referências por blocos de Adsense para Conteúdo ou pelo DoubleClick Performics Affiliate.

Veja abaixo o comunicado oficial enviado pelo pessoal do Adsense a todos os editores:

Se você utiliza referências, seja para promover produtos do Google ou ofertas de anunciantes do AdWords, recomendamos executar as seguintes etapas antes que o produto seja desativado:

  • Remova todo o código de referência dos seus sites: remova todo o código de referências dos seus sites antes da última semana de agosto, para poder continuar a rentabilizar eficientemente o seu espaço de anúncios.
  • Substitua os seus anúncios de referência por anúncios do AdSense para conteúdo: se você tiver menos de três blocos de anúncio do AdSense para conteúdo em uma página, recomendamos substituir os blocos de anúncio de referência por blocos de anúncio padrão do AdSense para conteúdo. Isso reduzirá os riscos de diminuição dos seus ganhos com o AdSense quando o programa de referências for desativado.
  • Gere e salve todos os relatórios de referências na sua área de trabalho: eles não ficarão mais disponíveis a partir do final de outubro.

Popularity: 3% [?]

Fernando Kanarski Google AdWords Certified Partner, atualmente é Analista de Novas Mídias na HouseCricket , onde é responsável por Search Marketing e WebAnalytics.

7 Comentários »