Você está preparado para a Busca Universal?

Você está preparado para a Busca Universal? Ou ainda acha que só de otimização em sites se pode aparecer nos primeiros resultados do Google para sempre? Os resultados de busca no Google já não são mais os mesmos! Desde Maio de 2007 o buscador vem implantando e aprimorando a “Universal Search”, revolução no formato que os resultados das buscas são apresentados aos usuários.

O Triângulo Dourado está com os dias contados

Até pouco tempo, bastava que você tivesse um site bem otimizado para aparecer nas primeiras posições do Google e ter uma visitação ótima para as palavras-chave escolhidas. O Famoso Triângulo Dourado – que corresponde basicamente às 3 primeiras posições na página de resultados do Google –  posição privilegiada, sinal de cliques e visitação elevada.

Se estar no famoso triângulo é complicado, aparecer á direita da tela, nos links patrocinados, pode ser uma ótima solução, mesmo sabendo que a quantidade de visualização não é tão expressiva e relevante quanto estar dentro do famoso triângulo. O problema é que nesta posição, estar entre os primeiros resultados é fundamental, já que após a terceira posição a quantidade de cliques é muito pequena.

A Busca Universal e a integração com Mídias Sociais

Hoje, os usuários do Google, inclusive os brasileiros, já contam com conteúdo diversificado nos resultados de sua busca. Já é possível encontrar mapas, fotos, filmes, blogs, notícias e até trechos de código. Os resultados vêm de várias fontes, principalmente de serviços do Google, como Youtube,  Picasa, Google News, Maps entre outros.

Tomemos o caso de Hotéis. Hoje, se você buscar pela palavra Hotel, seguida de uma cidade, haverá muita chance que os primeiros resultados não exibam a página do Hotel melhor posicionado, mas sim um mapa do Google Maps, com nomes e endereços de vários hotéis daquela cidade. Quer dizer, os primeiros resultados serão dados aos hotéis cadastrados no Maps e que possuam conteúdo relevante no serviço, como Reviews, uso no My Maps e resultados na Web.

Este exemplo mostra que os resultados estão mudando, não se pode mais pensar em otimizar somente o site, mas sim, olhar para a origem dos resultados que são agregados à Busca Universal.

Sem dúvidas, quem mais ganha com a Busca Universal são os usuários, que recebem resultados de diversas fontes, muito mais relevantes ao conteúdo buscado. Porém, especialistas em SEO ficam de “cabelos em pé” já que o trabalho de otimização para um site pode ir por água abaixo devido aos conteúdos “mais relevantes” mostrados no topo da página.

Com a busca Universal, o usuário ganha conteúdo e acaba perdendo o foco no Triângulo Dourado buscando mais informações e até dando mais relevância para os links patrocinados e resultados da busca até então ignorados. Abaixo, uma imagem utilizada pelos palestrantes do Google sempre que falam sobre o potencial da Busca Universal. Note que a visualização do conteúdo se distribui pela página, inclusive aumentando consideravelmente a visualização de anúncios do Adwords.

Entre as dicas para investir na Busca Universal, estão:

  • Utilizar e otimizar ferramentas sociais para distribuir conteúdo;
  • Colocar imagens de campanhas no PicasaWeb e Flickr,
  • Hospedar vídeos institucionais ou comerciais no Youtube;
  • Distribuir Press Release, sempre com imagem, para sites que possam ser indexados no Google News;
  • Otimizar keywords em redes sociais;
  • Otimizar Keywords para os novos termos, utilizados para busca de previsão de tempo, filmes, músicas, conversão de moeda;
  • Investir em conteúdo de Blogs;
  • Sempre localizar e inserir o máximo de informações possíveis sobre a empresa no Google Maps e incentivar usuário a interagir com estes mapas.

É lógico que a Busca Universal ainda está engatinhando e aos poucos tomando força no Brasil, portanto, brincar com direito a erros e acertos pode ser lucrativo e preparar seu conteúdo para o novo modelo de busca, tão defendido pelo Google.

Embora a Busca esteja mudando, o velho conselho do Google continua sendo levado à risca e precisa ser lembrado todos os dias : “Produzir conteúdo relevante ainda é a melhor forma de ser bem indexado pelos buscadores“. O que precisa ser inovado é a forma de distribuir todo este conteúdo relevante.

Popularity: 17% [?]

14 ideias sobre “Você está preparado para a Busca Universal?

  1. E aí Nando!

    Acho que não é questão de assustar com a busca universal, mas não otimizar somente o conteúdo. A idéia é otimizar vídeos, fotos, news e tudo mais o que possa te destacar.

    Até no SMX inventaram umas siglas para cada uma das novas otimizações, mas o foco continua em divulgar o conteúdo.

    Excelente post e um abraço!

  2. Acho que tudo depende do seu objetivo. Ganhar dinheiro na internet não é fácil, mas por experiência própria, o importante é ter conteúdo.

    No final, as pessoas virão ao seu blog, você estando ou não no triangulo. O importante é a qualidade. Lógico que é importante fazer otimizações, mas o usuário não é burro. Se ele precisar clicar em todos os 15 primeiros links para achar o que ele quer, porque os sites mais bem rankeados não têm este conteúdo, ele com certeza irá.

    O importante é que você apareça em cima, mas com exatamente aquilo que a pessoa quer. Diferente de blogueiros que fazem um post sobre fotos da playboy apenas para falar que elas existem, mas não tem o conteúdo que o internauta está procurando…

  3. Otimizar para Universal Search vai ser uma tarefa árdua. E via envolver não só técnicas e falcatruas como o SEO as vezes proporciona, mas, também, muito da reputação com o público. E isso tende a matar as empresas não preparadas.
  4. Muito interessante isso… Realmente já vejo em determinadas pesquisas aparecer o google maps ou o imagens… Isso vai aos poucos fazer bastante diferença…
  5. Pingback: blxg // Blog da agência Fire Multicom » Blog Archive » Comportamento na internet

  6. Pingback: Busca Universal | KBRITÃO

  7. Muito bom o artigo. Alguns sites de buscas mais atuais tem partido para esse lado: misturar conteúdo entre imagens, videos, mapas etc…. o Google não poderia ficar pra trás, é claro.

    Fica a dica para quem gerencia website de empresas e quer indexar no google maps: http://maps.google.com/local/add você define localização, horario de funcionamento, coloca fotos da empresa e, depois de receber uma carta do Google (via correio) com um código de confirmação, seu empreendimento será listado. E free e eu achei que valeu a pena.

  8. O que eu vejo é o seguinte:

    As buscas do google já estão deixando muita empresa de cabelo em pé devido a falta de profissionais de SEO no mercado para otimizarem seu site, e com este post, eu vejo que se os poucos SEOS de hoje não abrirem os olhos as empresas com certeza terão que ficar mais ainda de cabelos em pé.
    O importante é atualização!

    Alex

  9. Pingback: Sobre o Google Search Masters 2008 | underGoogle - Tudo sobre Google!

  10. Pingback: Novos links e buscas | EducaMix

Os comentários estão fechados.