SoC 2008: Entrevista exclusiva com Leslie Hawthorn, da organização

Este artigo foi enviado com exclusividade aos leitores do Clube underGoogle.Direto no dia 17/03. Se você desejar receber dicas e tutoriais com antecedência em sua caixa de e-mail além de concorrer a prêmios exclusivos, não deixe de se cadastrar no Clube underGoogle.Direto. Este post também se encaixa na Campanha Blogagem Inédita promovida pela Interney.

Summer of Code

Como parte da cobertura do Summer Of Code 2008, conseguimos, através de contato com o Chris Dibona, responsável pelos Projetos OpenSource do Google, contato com Leslie Hawthorn – Gerente de Programas Open Source da Google nos Estados Unidos. Ela foi muito atenciosa e em uma conversa rápida respondeu algumas perguntas que fizemos. Leslie atualmente escreve para o Blog Oficial do Summer of Code, além do Blog Oficial do Google OpenSource.

uG: Como foi o desempenho dos brasileiros nas últimas edições do Summer Of Code? Quantos brasileiros estiveram envolvidos no programa?

Leslie: Tivemos 24 brasileiros no Summer Of Code 2006 e 38 em 2007. Eles são mais ou menos 4% de todos os estudantes participantes do SoC todos os anos.

uG: Poderia citar algum projeto de sucesso das últimas versões do Summer of Code?

Leslie: Claro! Um de meus projetos favoritos foi desenvolvido por Adriano Monteiro Marques, de Goiânia. Adriano começou no projeto como estudante no ano de 2005 trabalhando no Projeto Nmap Security Scanner no desenvolvimento de uma interface gráfica para o programa, chamada Umit. Seu projeto ficou tão bom que em 2007 Adriano tornou-se um mentor do Summer of Code. Além disso o Umit foi utilizado no filme Ultimato Bourne, na cena onde a CIA utiliza o programa para quebrar o servidor de email de um jornal e acessar o e-mail de um repórter.

uG: Qual o real objetivo do Summer Of Code e qual o motivo de recompensar estudantes para desenvolver um projeto OpenSouce?

Leslie: Entre os principais objetivos, estão o de aumentar a quantidade de software OpenSource disponível, incentivar estudantes a participar do desenvolvimento de aplicações OpenSource, ajudar projetos OpenSource a ganhar mais desenvolvedores, e fornecer um ambiente real de desenvolvimento para os estudantes de cursos como Engenharia da Computação.

O dinheiro permite aos estudantes não precisar dedicar seu tempo a outro trabalho, assim eles podem se concentrar no desenvolvimento de seus códigos.

uG: Mobilidade é um dos assunto do momento, você acha que este será um dos grandes temas do Summer of Code 2008?

Leslie: Não podemos falar de vantagens sobre qualquer projeto inscrito no Summer of Code. A lista de aplicações estará disponível nesta segunda no endereço http://code.google.com/soc/2008/.

uG: Estar envolvido e ser destaque no Summer of Code pode ser um passe para tornar-se um empregado da Google?

Leslie: Pode ser, mas não necessariamente. Nós recrutamos alguns participantes do Summer of Code como estagiários da Google e alguns dos mentores como engenheiros contratados. Porém isso é uma exceção, não uma regra.

—-

Ficamos muito gratos com o contato tanto com o Chris quanto com a Leslie e esperamos que isso inicie um contato oficial com a Google, para trazer ao público brasileiro notícias interessantes com a aprovação da Google.

Caso queira saber mais sobre o UMIT Project, visite o Blog do Projeto ou o Blog do Adriano.

Popularity: 2% [?]

2 ideias sobre “SoC 2008: Entrevista exclusiva com Leslie Hawthorn, da organização

  1. Pingback: SoC 2008: Vídeo explicativo | underGoogle - Tudo sobre Google!

  2. Pingback: 30 & Alguns » Blog Archive » Meu Google Reader (18/03- 28/03)

Os comentários estão fechados.