Adwords

Interessado em fazer dinheiro anunciando no Google?

Celular

Produtos do Google para seu celular favorito ou para o iPhone? Você encontra tudo aqui!

Gmail

Considerado um dos melhores Webmails do Mundo, o Gmail não pára de inovar!

Opensocial

Tudo sobre a plataforma de aplicativos para Redes Sociais do Google!

Orkut

Tudo sobre a Rede Social do Google, a mais popular no Brasil!

Início » Chrome OS, Direto da Fonte, Google Chrome

Google Chrome OS: Perguntas Frequentes

Enviado por em quinta-feira, 9 julho 20094 Comentários
google-chrome-300x289

Todo mundo já deve estar sabendo do lançamento mais recente do Google, o Google Chrome OS, Sistema Operacional que o Google deverá lançar em 2010. Como a informação ainda está fresquinha e muitas dúvidas deverão surgir até o sistema ser realmente revelado ao público e testado, resolvi montar uma lista de Perguntas Frequentes, muitas delas respondidas pelo pessoal do Google no dia do anúncio do Chrome OS (postado no Twitter oficial do underGoogle):

Porque um Sistema Operacional?

As pessoas passam muito mais tempo on-line que fazendo qualquer outra coisa no computador. Portanto, é preciso repensar o funcionamento dos Sistemas Operacionais, eles precisam ser mais leves e mais integrados com a Web. Como o Google não vê isso nos Sistemas Operacionais atuais, resolveu fazer o seu sistema, de código aberto e sobre o Kernel do Linux, o que o tornará gratuito e permitirá sua adaptação para qualquer dispositivo.

O Google não quer que o usuário se preocupe com configurações ou segurança do sistema, mas sim com seus dados e aplicativos, portanto, o lançamento do Chrome OS visa disponibilizar um sistema leve, transparente para o usuário e muito seguro, uma vez que a maioria das informações e aplicações estarão “na Nuvem”.

Mas como tudo isso vai funcionar?

A idéia é que, a partir da janela do seu Browser, o usuário possa acessar seus arquivos e aplicações favoritas (que estarão on-line) no caso do sistema que rodará nos Netbooks, a Janela se tornará um sistema Operacional com uma interface simples, mas que permitirá o uso das aplicações remotas de forma mais prática. O Google já vem montando a muito tempo a estrutura que deverá ser o suporte para o funcionamento do Chrome OS. Eles já possuem o Google App Engine, plataforma onde desenvolvedores podem hospedar suas aplicações de forma gratuita. Eles também já possuem o Google Gears, plug-in que permite o uso de aplicações sem a necessidade de estar conectado á internet. Além disso, eles já vem liderando as discussões que envolvem a regulamentação e uso do HTML5, que permitirá o bom funcionamento da maioria das Aplicações e permitirá o uso de recursos como geolocalização, Cache de Informações e maior facilidade na interação com Multimídia.

Mas e o Android, já não é um Sistema? Não seria mais fácil utilizar ele?

O foco dos dois sistemas é totalmente diferente, enquanto o Android é voltado para dispositivos móveis e focado na experiência do usuário em movime

nto, o Chrome OS é focado na experiência de Acessar a Internet e interagir com ela. Com o Chrome OS, as aplicações se tornarão remotas e o sistema será focado em velocidade e disponibilidade on-line das informações.

Onde esse Sistema Vai Rodar? Poderei usar no meu Notebook?

A idéia do Google é seguir a idéia do Android, deixar o sistema OpenSource e fechar parcerias com Fabricantes de Netbooks, que irão vender equipamentos com o Sistema Operacional já instalado. Ainda não há lista de parceiros veja a lista de parceiros, mas o Google está negociando com alguns fabricantes asiáticos. O foco do Chrome OS é criar um sistema Operacional muito rápido e prático, ideal para os Netbooks, porém o sistema será OpenSource, o que permitirá que qualquer pessoa o instale em seu Notebook ou Desktop. Além do mais, a maioria das aplicações será on-line, portanto, através de um navegador compatível, qualquer usuário poderá acessar de qualquer lugar seus arquivos e aplicações.

Quando ele estará disponível?

Acredita-se que até o final de 2009 os Desenvolvedores e Fabricantes tenham uma versão de testes em mãos. O sistema deverá começar a chegar ao Público no segundo semestre de 2010.

Mas e quando  chegará no Brasil?

Não há previsão. Na verdade, tudo dependerá dos fabricantes, que já viram no Brasil um mercado muito interessantes para a venda de notebooks de baixo preço.

O que o Google ganha fazendo um Sistema Operacional?

O objetivo do Google continua o mesmo: Reunir e disponibilizar o maior número que informações, atraindo público para seus serviços. Com o lançamento de um Sistema Operacional para Netbooks, o Google vê a oportunidade de levar a Web para o dia-a-dia de mais pessoas e aumentar o uso da internet em mercados emergentes, como no Brasil. Se considerarmos que hoje a penetração do Google no Brasil é de cerca de 35%, eles ainda têm uma quantidade considerável de público para levar para a internet. Quanto maior o público on-line, maior o tráfego nos serviços e na busca do Google e consequentemente mais pessoas atingidas pelo sistema de publicidade da empresa, sua principal fonte de renda.

O Chrome OS vai quebra a Microsoft e a Apple?

Não, é preciso lembrar que o foco inicial do Google é fazer um sistema simples, que dê ao usuário acesso a aplicações on-line. O foco é facilitar o uso de aplicações Web e ajudar a popularizar a Internet, principalmente em países emergentes. Softwares pesados para edição de Imagens e vídeo, por exemplo, ainda precisarão de uma máquina mais bem dotada e sistemas mais robustos. Ainda é importante lembrar que o foco do Google não se concentra nas corporações e sim o usuário final. Se o Chrome OS tomará o mercado da Apple ou Microsoft, só o tempo dirá.

Mas como confiar todas as informações ao Google?

Bem, este é um risco que você precisará correr. Mesmo assim, as informações não ficarão todas na “Nuvem”. Assim como acontece hoje com aplicações Web que utilizam o Google Gears, será possível manter as informações localmente, sem ter acesso á Internet. Assim, mesmo que você esteja sem conectividade, poderá atualizar documentos que serão automaticamente enviados para a Web assim que sua conexão de internet for restabelecida.

E os Games? Vou poder rodar Jogos pesados neste sistema do Google?

Assim como os atuais Sistemas para Netbooks, o objetivo não é o entretenimento local, através de potentes processadores gráficos capazes de executarem jogos. O objetivo dos Netbooks, e aqui se encaixa o objetivo do Google com o Chrome OS, é tornar o Sistema Operacional leve e simples para permitir facilidade no uso de aplicações on-line.

Poderei instalar  o Chrome OS na minha Geladeira?

Sim, se você for um Desenvolvedor e estiver afim de compilar uma versão para uma Geladeira que tenha o processamento mínimo exigido para rodar o Software, poderá o fazer. O Chrome OS será um sistema OpenSource. Quer dizer que qualquer desenvolvedor poderá adaptá-lo para qualquer dispositivo que ache necessário. Portanto, embora a idéia inicial seja fazer um sistema Operacional para Netbooks, variações para os mais variados dispositivos poderão aparecer. Incluindo desde notebooks, até grandes servidores, passando por Geladeiras, SetupBox e Carros. A grande vantagem é que a integração com API`s do Google certamente será muito simples, facilitando o uso de Google Maps, Gmail e todos os outros serviços do Google.

Quanto vai custar tudo isso?

Nada. Quer dizer, o software será OpenSource, o usuário irá pagar somente pela máquina. Isso deverá diminuir os preços dos Netbooks, já que muitos são vendidos com licença do Windows, que acabam elevando o preço final dos equipamentos.

—-

Caso você tenha alguma dúvida ou sugestão, por favor deixe um comentário. Prometo atualizar este artigo regularmente.

Popularity: 6% [?]

Fernando Kanarski Google AdWords Certified Partner, atualmente é Analista de Novas Mídias na HouseCricket , onde é responsável por Search Marketing e WebAnalytics.

4 Comentários »