Google Gadgets para Linux

Ainda não é anúncio Oficial, mas a versão do Google Desktop para Linux deve suportar, em breve, os famosos Gadgets. Portar os Gadgets para o Linux é o último passo para igualar a versão do Google Desktop para Linux com a versão para Windows e Mac.

A versão do Google Desktop com Gadgets já está em fase de finalização pelo Google e o objetivo é ter toda a compatibilidade com Gadgets tanto nativos quanto do iGoogle. Segundo os desenvolvedores, há dois componentes responsáveis por fazer a aplicação funcionar: Um é a biblioteca responsável por rodar e mostrar os Gadgets e o outro é o programa responsável por permitir  ao usuário escolher e fixar o Gadget no Desktop. Toda a base do Google Gadgets é escrito em GTK+ e QT, oferecendo uma Sidebar muito semelhante à encontrada na versão para Windows.

Se você desejar ver como está ficando  a primeira versão de testes, pode baixar diretamente do Google Code.

Você pode baixar o Google Desktop para Línux (sem os Gadgets) aqui.

Popularity: 4% [?]

Google quer levar Photoshop ao Linux

Recentemente, a equipe de desenvolvimento do Google Code publicou em seu blog oficial um artigo explicando a ajuda que a Google está dando em investimento, ajustes e correções de bugs no Wine, um emulador de programas do Windows para Linux um programa que funciona como uma camada (semelhante a um emulador) que expõe uma API compatível com a do Windows. O interesse da Google no Wine está na possibilidade de levar seus programas também para a plataforma livre, assim como já acontece com o Picasa.

Interessante foi a notícia de que, além de estar colaborando para melhoras no Wine, tanto Google quanto desenvolvedores do programa estão trabalhando arduamente para tentar rodar, sem problemas, o Photoshop CS2 e CS3 no Linux. Também há o interesse de rodar alguns programas da Adobe, como o Fash, por exemplo. Depois de mais de 200 patches, o Wine wine-0.9.54 consegue rodar sem grandes problemas o Photoshop CS2. Agora o Objetivo dos desenvolvedores do Wine é rodar o Photoshop CS3.

Embora seja nobre o objetivo da Google investir no desenvolvimento do Wine, para rodar aplicação Windows de forma transparente no Linux, não podemos esquecer que existe o Gimp, um ótimo software de edição de imagens, que mereceria investimentos da Google.

Leia mais: APC Magazine

Popularity: 1% [?]

Picasa 2.7 para Linux

picasaA versão do Picasa para Linux acaba de ser atualizada, agora com todos os recursos já presente há tempos na versão para Windows.

Entre as novidades presentes na nova versão, temos:

  • Upload para Álbuns do Picas;
  • Melhor suporte a arquivos RAW permitindo abrir e trabalhar com arquivos Canon 30D, Nikon D200 e Adobe DNG;
  • Navegação hierárquica por pastas;
  • Melhorias na importação de fotos, tanto de pastas quanto da própria câmera;
  • Melhor controle sobre as imagens editadas, com possibilidade de reverter edição nas imagens mesmo depois de já salvas;

Veja mais: Lista completa de Novidades e Download.

Veja os requisitos do sistema aqui.

Popularity: 2% [?]